9/11/2017 16h38

Trabalhadores da DASA disseram não a proposta de acordo apresentada pela empresa

Em assembleia, trabalhadores da DASA (Diagnósticos da América) e suas filiais: CIENTIFICALAB e SISTEMAS LTDA, disseram não a proposta de “Acordo Coletivo” apresentada pela empresa.  A plenária aconteceu na tarde de ontem (08), na sede do Sindicato – em Osasco/SP.

Com a palavra, o departamento jurídico do SUEESSOR representado por sua advogada, Dra. Lilian Bisaro, explicou que as cláusulas do acordo coletivo apresentado pela DASA, eram exatamente iguais as cláusulas estabelecidas em convenção, com a exceção do quadragésimo item, onde se tratava do “trabalho aos domingos e feriados”.

Foram colocadas em discussão e esclarecidas pelo Sindicato, as principais dúvidas dos trabalhadores quanto a esta clausula e sua jornada, incluindo no que se refere as formas de pagamento.

Aberta a plenária para votação, os trabalhadores presentes recusaram a proposta da empresa, pois, julgaram que se trata de uma jornada de trabalho diferenciada, portanto, esta deverá ter um acordo especifico para sua regulamentação. A data de uma possível assembleia para a aprovação ou não da mesma, ainda não foi definida.

Diante deste quadro, ficou então aprovada a manutenção de Convenção Coletiva vigente para os trabalhadores da DASA no ano de 2017/2018.

A convenção coletiva está à disposição do trabalhador no site do Sindicato em : www.sueessor.org.br/convencao-coletivas

Para a diretoria do SUEESSOR, “a assembleia foi vitoriosa, pois, além de contar com um bom número de pessoas e uma participação significativa durante a discussão, mostrou a força da união entre sindicato e trabalhadores”.